quinta-feira, 19 de abril de 2012

O Windows 8 é realmente uma evolução para o ambiente corporativo?

Estamos cada vez mais próximos do lançamento oficial do Windows 8 e a opinião geral dos bloggers e da mídia especializada é positiva. Por outro lado precisamos lembrar que a Microsoft investe muito em "mimar" os formadores de opinião e o processo acaba sendo natural: ao ser levado para um evento bem montado, com uma apresentação bem preparada e com um belo cocktail ao final fica mais difícil escrever algo negativo.

Todos somos assim, é difícil falar mal de quem a gente tenha uma ligação ou esteja se sentindo em dívida.

No entanto eu ainda tenho minhas dúvidas sobre as vantagens propagadas referente ao Windows 8. Aqui vai a minha opinião pessoal sobre o Windows 8 e algumas dúvidas sobre a eficácia das mesmas.

SkyDrive

O Windows terá um integração maior com o SkyDrive, que dá 25GB de armazenamento na nuvem.

Para pequenas empresas, pode significar a solução do problema de backup. Para as médias e grandes empresas o SkyDrive permitirá uma maior integração entre pessoas e departamentos. Haverá um consumo maior banda de Internet, mas eu não vejo isso como um problema já que hoje banda de Internet é algo relativamente barato mesmo aqui no Brasil.

A meu ver o grande problema do SkyDrive é que a Microsoft não gosta de integrar seus produtos com outros sistemas operacionais, tais como Linux ou MacOS. Android e iOS então nem pensar.

Eu prefiro criar um cultura corporativa em cima de uma estrutura mais aberta, aonde houvesse possibilidade de integração com outras plataformas.

Login por gestos

O Windows 8 permite com que a senha de acesso senha trocada por gestos sobre uma foto escolhida. O usuário indica uma foto e alguns gestos sobre essa foto. A ideia é evitar os problemas de usuários que tenham dificuldades em gerenciar suas senhas, pois a principio somos mais aptos a nos lembrar de movimentos do que sequencias de letras/números.

Assim o login por gestos iria evitar o problema de usuários que usem senhas fracas ou então que anotam suas senhas em post-its fixados na tela do computador.

O problema a meu ver é que os movimentos são mais fáceis de serem percebidos a distância. Um outro membro da empresa, que esteja a 4 ou 5m de distância não consegue perceber quais teclas uma pessoa estaria pressionando, mas consegue identificar quais movimentos a pessoa está fazendo.

A própria Microsoft, quando lançou o conceito para tablets, reconheceu que este poderia ser um problema de segurança desse conceito.

Windows to Go

O Windows to Go é um recurso que permite instalar o Windows 8 em um pendrive e executa-lo a partir da. Por exemplo, um funcionário poderia levar o seu desktop para casa e trabalhar no seu desktop doméstico com a mesma infraestrutura que ele tem na empresa.

A meu ver o grande problema do Windows to Go será a performace. Um pendrive nunca será capaz de dar uma performance eficiente. O Windows to Go pode ser algo útil para alguém que viaja, que use muito computadores em cyber-cafe e que não saiba o que é um notebook (afina, que profissional hoje em dia viaja sem um notebook?).

A minha sugestão para as empresas (principalmente as médias e grandes, que seriam grandes beneficiados por esse tipo de tecnologia) é fazerem o certo: usem os mecanismos de virtualização de desktop existentes no mercado, tais como Citrix, VMware ou mesmo da Microsoft. O Windows to Go será uma curiosidade com uma aplicação ou outra, mas não vejo com algo sendo empregado largamente.

Outros benefícios

O Windows 8 apresenta uma série de outros novos recursos menores, alguns são apenas recursos antigos repaginados, outros são realmente inovações, mas com um impacto geral não tão significante.

Eu vejo o Windows 8 como um grande avanço para os usuários domésticos e também para os usuários corporativos de baixo uso de tecnologia. Para os usuários corporativos que tenham uma demanda um pouco maior do que acessar Internet e ler e-mails, eu acho que o Windows 8 não vai trazer grandes benefícios. Não estou dizendo que o Windows 8 será ruim para eles, apenas estou dizendo que hoje que a migração de Windows 7 para Windows 8 irá trazer uma nova etapa de aprendizagem (o que nunca é tranquila) e poucos benefícios práticos.

Twitter

Me siga se você quer ser informado via Twitter sobre os meus próximos posts,  http://www.twitter.com/mlrodrig

Postar um comentário